Cavalgada dos Santos Mártires das Missões foi sucesso mais uma vez

6ª Cavalgada 030

Teve início dia 27 de Abril de 2015 lá no Passo do Padre em Santo Isidro São Nicolau a 6ª Cavalgada na Trilha dos Santos Mártires das Missões, uma promoção da Associação Amigos da Trilha dos Santos Mártires das Missões às 0900 horas foi feita a cerimônia de início da cavalgada contando com um grande número de pessoas da comunidade e também contamos com a presença da comunidade escolar de Santo Isidro que compareceu com seu Diretor e um grande grupo de alunos.

Houve pronunciamentos e também a bênção através do Pe Jacó, pároco de São Nicolau, sendo que este acompanhou montado até aquela cidade. Após os pronunciamentos e bênçãos, foi a vez do coordenador da Cavalgada dar a ordem de “em frente e em direção ao Caaró.

Saíram do Passo do Padre 30 cavaleiros, sendo que 11 eram de São Nicolau e os demais de diversas cidades da região. Ao meio dia os cavalarianos foram recebidos na Escola Monte Alegre, onde além de ser servido um gostoso almoço, também tiveram oportunidade de assistirem a uma palestra proferida pelo Carlos Sidnei Ferreira, versando sobre água e também abordando um pouco da prevenção da Dengue.

Às 17 horas  os cavalarianos chegaram na cidade de São Nicolau passando pelo Sobrado Silva e rumando em direção ao CTG Primeira Querência do Rio Grande, onde foram recebidos pela Patroa do CTG senhora Rosana Squiavo e após desencilharem seus cavalos tiveram a oportunidade de enquanto jantavam assistirem ao Programa Campos do Caaró transmitido ao vivo pela Rádio Caibaté  com artistas locais, sendo que o encerramento do programa foi com uma bonita bênção oficiada pelo Pe Jacó e cantores que entoaram lindas canções encantando e comovendo a todos.

Neste local se fez presente o Prefeito Benone Dias e seus secretários. Pela manhã cedinho os cavalarianos colocaram os pingos na estrada rumo a cidade de Pirapó aonde chegaram em torno das 10h30min, sendo recebidos no pórtico de entrada da cidade por um grupo de cavalarianos daquele município e escoltados pelos mesmos até a Associação dos Tradicionalistas de Pirapó-ATP, onde se encontrava o Vice Prefeito  Lauro Nohl e seus assessores e diversos vereadores e também o Presidente da ATP, o tradicionalista Geraldo Pereira.

Neste momento houveram pronunciamentos e bênção pelo Padre Ramão, Pároco da daquele município, o qual acompanhou a cavalagada montado até a barca do rio Ijui. Após o almoço foi a vez dos artistas locais fazerem suas apresentações ao vivo através do Programa Alô Rio Grande transmitido pela Rádio Navegantes de Porto Lucena.

Às 15h30min os cavalarianos despediram-se e atravessaram o Rio Ijui pela barca, sendo recebidos no Município de Roque Gonzales pela Professora Marilene Both, Secretária de Educação acompanhada da Prof Dorotéia e do Assessor de Imprensa Vilson Kostric e diversos cavalarianos os quais escoltaram os demais até o Assunção do Ijui, mas sem antes passar pela Cruz onde foi deixado o corpo de João de Castilhos, depois de ser morto pelos índios a mando do Cacique Inhecú, quando foi explanado pelo Prof Sergio Venturini parte dessa linda história das nossas Missões.

No Assunção do Ijui diversas pessoas aguardavam os cavalarianos, capitaneados pelo Secretário da Trilha dos Santos Mártires, Ildo Hass. Durante o Jantar foi a vez novamente dos cavalarianos, autoridades e pessoas da comunidade acompanharem uma bonita tertúlia transmitida novamente pela Rádio Caibaté. Também desta vez o Padre Luiz abençoou os presentes e aos ouvintes através de uma bonita canção.

Na manhã do dia 28 os cavalarianos seguiram em direção ao Cerro do Inhacurutum, local onde segundo a história vivia o Cacique Inhecú e sua tribo, sendo que este é o local mais alto das Missões e era usado como ponto estratégico para a defesa de Inhecú pois de lá é possível visualizar todos os lados e em grande distância.

Após chegarem ao pé do Cerro os cavalarianos desmontaram de seus cavalos e subiram a pé até o topo do mesmo, onde aqueles que não conheciam ficaram maravilhados com o que viram. Ao meio dia os cavalarianos foram recebidos pela comunidade da Linha Inhacurutum com um gostoso almoço, também com toques de gaita e cantorias, pois desta vez a Cavalgado contou com dois gaiteiros e cantores, o Artur de São Luiz Gonzaga e o Brizola de Caibaté.

A noite foi a vez da Comunidade de Cabeceira do Palmeira recepcionarem a cavalgada com um jantar e durante o mesmo novamente ocorreu a Transmissão do Programa Campos do Caaró pela Rádio Caibaté. Esteve presente neste local o Prefeito Sadi, acompanhado de diversos secretários de sua administração.

Pela manhã do dia 30 os cavalarianos saíram em direção ao Município de São Pedro do Butiá, sendo recepcionados na localidade de Boa Esperança pelo senhor prefeito municipal José Henrique, Vice Prefeito Valter e secretários. Também a comunidade local recepcionou os cavalarianos oferecendo aos mesmos um gostoso café com produtos locais.

Depois os cavalarianos foram recepcionados poela comunidade escolar da Escola São Francisco de Borja, onde os alunos entoaram bonitos cantos gauchescos e também sobre preservação ambiental. Às 11h30 a cavalgada chegou no Centro Germânico Missioneiro, onde ocorreu uma bonita recepção.

O almoço foi no CTG Estância de São Pedro, sendo recepcionados pelo seu Patrão Senhor Protásio Hilgert. A tarde foi para descanso, sendo que a noite foi servido um gostoso jantar, sendo que durante o mesmo os cavalarianos e a comunidade puderam acompanhar o Programa Radiofônico transmitido pela Rádio FM Ativa de Campina das Missões mostrando os valores da terra e também os artistas da cavalgada.

Pela manhã os cavalarianos seguiram em direção a barca do Passo Novo, onde do outro lado a comunidade do Rolador os aguardavam acompanhando-os até o Piquete Batendo o Casco, sendo recebidos pelo casal Zé Luiz e Dona Julia, os quais juntamente com a comunidade local serviram um gostoso churrasco, sempre com muita alegria e descontração fazendo com que os integrantes da cavalgada relutassem em deixar aquele local.

A cavalgada seguiu em direção a Redução da Candelária de Caaçapamini, sendo que neste local os professores Sergio Venturini e Charlei Willers discorreram longamente sobre aquela redução.

Após seguiram até a cidade do Rolador aonde chegaram em torno das 18 horas.No trajeto entre a Figueira e o Rolador, mais precisamente no CTG do Rincão dos Pires os cavalarianos foram saudados pelo Deputado Estadual Jeferson Fernandes, o qual desejou muito êxito nesta empreitada e colocou-se a disposição para ajudar nos projetos a serem desenvolvidos pela Associação da Trilha dos Santos Mártires das Missões.

À noite os cavalarianos foram recebidos com um jantar organizado pelo Piquete Sinuelo de Tropa no Ginásio de Esportes com a presença do Prefeito Paulo Peixoto e seu Vice Mauro dos Santos e por um grupo de artistas locais que animaram a todos.

Às 0600 do dia seguinte, ainda estava escuro, os cavalarianos seguiram rumo a Caibaté, pois que às 11 horas teriam que estará chegando para serem recepcionados na 9ª FACIC, onde isto de fato aconteceu, sendo que foi muito bonita a homenagem aos cavalarianos comovendo a todos. Além do Prefeito Municipal Sérgio Birck e seu secretariado, diversas autoridades estiveram na recepção aos cavalarianos. Após os cavalarianos desencilharam seus cavalos no Sindicato dos Municipários de Caibaté – SIMCA e retornaram para o almoço na feira, onde tiveram a oportunidade de visitarem os estandes da mesma.

No dia 03 de maio abaixo de chuva os cavalarianos encilharam seus cavalos e rumaram em direção ao Santuário do Caaró aonde chegaram às 09h30min com o repicar dos sinos da igreja.

Após desencilharem os cavalos os cavalarianos se dirigiram até a igreja onde foi rezada uma Missa Crioula, oficiada pelo Padre Aloisio Khun de Porto Xavier e uma equipe de músicos e cantores daquela cidade, aos quais somos muito agradecidos, pois de confortar espiritualmente aqueles ficaram sete dias cavalgando e longe de seus lares, também ficaram maravilhados com a beleza dos cantos entoados na missa. Após a missa foi a vez da entrega dos Certificados aos participantes da Cavalgada, o almoço e as despedidas, sendo que foi entregue ao Professor Sergio Venturini uma placa de agradecimento e homenagem pela iniciativa da criação da Trilha dos Santos Mártires e também pela maneira como a conduziu por estes quinze anos.

Nesta edição a cavalgada contou com 19 cavalarianos fixos desde o Passo do Padre até o Caaró mais 10 pessoas no apoio, sendo que tivemos momentos que contamos com 42 cavalarianos. Em Caaró a cavalgada chegou com 20 cavalarianos.

Estiveram representados nesta cavalgada 15 municípios. Em todos os locais além das tertúlias e durante os programas de rádio também foram abordados temas como História das Missões, Meio Ambiente e Tradicionalismo, além de muita Espirilitualidade.

Os organizadores da cavalgada capitaneados pelo seu Coordenador Nelson Morais, o Presidente da AATRISAMM Edison Lisbôa e seu Vice Presidente João Airton Feijó de Moura só tem em agradecer a todos aqueles que de uma forma ou de outra colaboraram para que mais esta cavalgada, em especial aos que ajudaram na confecção dos folders, aos cavalarianos, as prefeituras municipais, aos CTGs, a APARP, enfim as comunidades que nos receberam com muito carinho e hospitalidade, também aos veterinários que durante todo o percurso prestaram atendimento examinando os animais. E em uma Cavalgada toda segurança é pouca e felizmente nós contamos com a nossa gloriosa Brigada Militar que nos protegeu, durante todo o percurso, principalmente nos locais com maior movimento e onde poderia haver mais risco aos cavalarianos.

Também agradecemos a todos os meios de comunicação que nos ajudaram a divulgar o antes, o durante e o depois na prestação de contas do evento. Contamos sempre com vocês comunicadores, pois sem isto com certeza não teríamos tanto êxito nas nossas caminhadas e cavalgadas. Que Deus lhes pague e o nosso muito obrigado a todos.

Edison Lisbôa – Presidente.

6ª Cavalgada 043  6ª Cavalgada 205  6ª Cavalgada 300  6ª Cavalgada 450  6ª Cavalgada 514